segunda-feira, janeiro 29, 2007

Antônio Augusto Machado

Descendente de uma família de tropeiros que transportava café dos sertões de Minas Gerais para Campos de Goitacazes, pela Velha Estrada do Presídio, o mais antigo que se tem conhecimento é Antônio Augusto Machado (1842-1937).

Antônio Machado contava que conheceu toda a região sem estradas de ferro e participou dos conflitos com os índios puris que não aceitavam a ocupação do homem branco. Segundo ele, na época, diziam os que eram contra o progresso que seriam construídas as estradas do inferno, não de ferro e, que as coisas seriam mais difíceis.

Certa época, Antônio Machado deixou a barba crescer e ela ficou enorme, parecendo com a do Coronel Firmo de Araújo. Alguns de seus vizinhos, em tom de zombaria diziam a pessoas que não o conheciam, ser ele o próprio Firmo. E muitos com medo, evitavam de passar próximo à sua casa.

Morou a maior parte do tempo na região da Braúna. Em suas terras houve extração de ouro, mas a quantidade foi pequena. Viajava muito e por isto foi o primeiro na região a ter uma vaca leiteira.

Deixou enorme descendência na região.

Nenhum comentário: